O marketing digital ainda é um assunto novo para muitas empresas, em especial as pequenas e médias. E um dos maiores problemas que encontramos nos sites é a desatualização. Muitos ainda acham que ter um site já o evidencia no seu segmento, mas deixa-lo desatualizado é um erro grave, principalmente para aqueles negócios de venda direta, que interagem com seus clientes.

Para você entender melhor o problema, vamos a um breve histórico: os primeiros sites foram criados com a função de ser um cartão de visitas, onde as empresas apresentavam sua marca e produtos/serviços e apenas os clientes que sabiam o endereço do site é que acessava a página, pois não existiam mecanismos de busca (que coisa antiga, não é?).

As coisas mudaram. Surgiram os mecanismos de busca (o Google) e o site como um cartão de visita já não é suficiente para os clientes. Atualmente, quem visita um site desatualizado fica na dúvida se a empresa ainda está ativa e porque ela não atualiza suas informações.

Um site desatualizado transmite a ideia de que a empresa não tem responsabilidade sobre sua imagem junto ao público, tendo altos índices de rejeição, sendo fechados em poucos segundos. Esta falta de compromisso com sua marca faz os visitantes procurarem na internet os concorrentes.

Atualmente, os sites cumprem um papel importante na atração de clientes, principalmente, pela interação empresa/públicos por meio do conteúdo oferecido.

Os blogs vinculados aos sites são muito utilizados para difundir conteúdos da empresa e de seu segmento, cativando e informando potenciais clientes. A integração do site e blog com as redes sociais contribui, e muito, para divulgação e promoção da empresa, ampliando o alcance do público de interesse. Outra estratégia interessante para fidelização é o envio de e-mails marketing, com benefícios exclusivos aos clientes cadastrados.

Então, não deixe seu site desatualizado, pois estará perdendo boas oportunidades de negócio, como mostra o infográfico abaixo.

Para ter um site de qualidade, além da atualização e conteúdo, deve ser levado em conta o layout, que deve ser moderno e acompanhar as tendências do mercado.

Assim, visite e analise os sites das empresas referência no seu segmento, tanto no Brasil como no exterior, e veja: qual o layout que elas utilizam? O que oferecem para os seus visitantes? Que tipo de conteúdo elas oferecem? Entre outros fatores. Assim, você terá muitas ideias para seu site e estará no top do mercado.